Um oferecimento do Instituto Oceana de Tecnologia do Desenvolvimento Humano

14 Princípios que Pessoas Bem Sucedidas Usam Para Alcançar e Manter Sua Independência Financeira

Screen Shot 2016-02-19 at 1.19.06 AM

Já atendi minha cota de clientes que desejam desenvolver maior segurança em suas finanças. Tenho muitas horas de atendimentos nesse campo, e muitas coisas serem compartilhadas.

Aqui está uma lista rápida das coisas que valem a pena ter em mente para se cuidar financeiramente. Muitas são óbvias, e se você ainda não consegue aplicar em sua vida, podemos fazer um trabalho maravilhoso juntos:

1 – Não deixe que sua fonte de renda venha de um único lugar

2 – Esqueça chefes, clientes e empregados. Prefira parceiros colaborando por um objetivo em comum

3 – Saiba qual é sua meta financeira. Nunca diga “quero ser rico”. Especifique QUANTO você quer e como fazer para chegar lá

4 – Você não é seu dinheiro. Se pensar assim, será possuído por ele

5 – Sim, os riscos existem e não devem ser ignorados. Proteja seus ativos, sua renda e sua velhice. Um dia você vai precisar, o problema está em não saber quando.

6 – Se um desastre lhe acontecesse hoje e você não pudesse mais produzir seu dinheiro… Você estaria financeiramente a salvo?

7 – Dinheiro vem de solucionar problemas. O quão bom você é em se relacionar com problemas?

8 – Como você se sente ao lidar com a conta do seu banco? Calafrios ou tranquilidade?

9 – Se há falta de dinheiro, não é culpa de ninguém. Nem da esposa, da crise, dos filhos, de nada… A culpa é sua mesmo. Assuma sua incompetência e faça algo a respeito dela.

10 – Dinheiro não cresce em árvores, mas se multiplica em aplicações. Onde estão as suas?

11 – Você vive para consumir ou para produzir? Se vive pela primeira, deve estar sempre no vermelho.

LEIA TAMBÉM:  As 2 Maneiras Diferentes de Lidar com a Depressão

12 – Ao invés de cartões e cheques especiais, prefira sua realidade. Lidar com o dinheiro de maneira correta é ter o pé no chão. Empréstimos? Somente se for para gerar mais dinheiro do que os juros.

13 – Quem tem medo de investir vai morrer pobre. Não tem outra saída. Olhe para os resultados dos seus investimentos. Não para o custo deles.

14 – Claro, a maneira como você opera suas finanças é profundamente influenciada pela maneira como você lida com suas emoções, principalmente nos momentos mais complicados e difíceis da sua vida.

Você deseja saber o quanto de inteligência emocional possui? Deseja saber se é capaz de lidar com momentos difíceis, perdas e riscos de uma maneira equilibrada? Então, utilize o questionário que preparei para você, especialmente:

Clique aqui para avaliar sua inteligência emocional online, gratuitamente

Abraços, e muito obrigado,
Rodrigo.

Compartilhe...Tweet about this on TwitterShare on Google+Share on FacebookEmail this to someone

Rodrigo é co-fundador do Movimento Espalhe o Amor, com mais de 1 milhão de fãs nas mídias sociais. Com mais de 1500 horas de experiência atendendo clientes individualmente e treinamento em várias cidades do Brasil, Rodrigo é capaz de levar praticamente qualquer pessoa a conquistar o domínio sobre suas próprias emoções em situações complicadas, utilizando para isso apenas o diálogo. É referência entre os profissionais da área e membro do time de liderança da International Society of Neuro-Semantics (ISNS) - uma organização presente em mais de 60 países que redefiniu o que é Desenvolvimento Humano.

Deixe Uma Resposta